Rapazoi
Rapazoi

*Ilhéus e Camarões: fortalecendo vínculos na rota do cacau e chocolate*



_Comitiva camaronesa visita à cidade baiana em busca de conhecimento e parcerias para impulsionar a indústria cacaueira_


Na vanguarda da revitalização da indústria do cacau e do chocolate, Ilhéus se tornou um ponto de referência internacional, a ponto de chamar a atenção de outros países produtores. Confirmando o sucesso da produção cacaueira, nesta semana, a cidade recebe uma comitiva vinda de Camarões, país africano que também produz o fruto e quer conhecer mais sobre o jeito ilheense de produzir cacau e chocolate.


Dessa forma, a comitiva camaronesa, composta por doze membros, dentre eles, o ministro Dr. Martial Tchenzette, representando a Embaixada de Camarões no Brasil, o engenheiro agrônomo Jean Claude Akouafane, diretor-geral da SODECAO (Société de Développement du Cacao), representantes de cooperativas e produtores de cacau, prefeitos e prefeitas de cidades produtoras, além do presidente da Câmara de Comércio Brasil e Camarões, o senhor Thomas Tcheuffa, que chegam a Ilhéus a fim de, além de conhecer a forma de manejo da cultura, assinar um termo de cooperação entre Ilhéus e cidades produtoras de cacau em Camarões, estreitando as relações e abrindo novas frentes de comércio e desenvolvimento da cultura cacaueira.


O intercâmbio de conhecimento vai além das técnicas agrícolas, abrange aspectos culturais, sistemas de saúde e educação, bem como o turismo rural, que desperta a curiosidade dos visitantes estrangeiros. A perspectiva de cooperação entre as cidades é promissora, com potencial para fortalecer os laços entre as regiões produtoras de cacau no Brasil e em Camarões.


O prefeito Mário Alexandre enfatiza a importância da visita e as possibilidades que se abrem a partir dela. “Esse intercâmbio e o reconhecimento global do trabalho desenvolvido em Ilhéus significa que nossos produtores estão no caminho certo da busca de melhorar cada vez mais a qualidade do cacau produzido aqui, assim como do nosso excelente chocolate de origem. Se nossa fama chegou lá, é porque o mundo está olhando para Ilhéus”, destaca.


A comitiva camaronesa se encontrará com o prefeito Mário Alexandre e representantes do Executivo na manhã desta quarta-feira (17), no gabinete da Prefeitura de Ilhéus. O dia da comitiva vai se iniciar com um city tour pelo centro histórico de Ilhéus, passando pelo Museu da Capitania e Casa Jorge Amado. Depois seguem para a Prefeitura, para o encontro no gabinete, depois visitam a Fazenda Provisão e escolas do município – Colégio Centro Estadual de Educação Profissional do Chocolate Nelson Schaun e Colégio de Tempo Integral Professor Arleo Barbosa. 


Enquanto a comitiva se prepara para assinar acordos de cooperação, Ilhéus se posiciona não apenas como um centro de produção de cacau de excelência, mas também como um ponto de encontro para a troca de experiências e o fortalecimento do setor cacaueiro ao nível internacional.     

Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem