Rapazoi
Rapazoi

Prefeitura não deflagrou operação contra transporte clandestino e desmente falsas informações




A Prefeitura de Ilhéus esclarece que são falsas as informações e rumores que circulam nas redes sociais e aplicativos de mensagem sobre a Operação Lotação Zero. Em primeiro lugar, a operação não existe tampouco leva esse nome. A notícia, que não passa de fake news, ocasionou na manhã desta sexta-feira (16) uma manifestação dos motoristas que praticam o transporte irregular de passageiros.

Conforme a Autarquia de Transporte e Trânsito (Sutram), o combate ao transporte clandestino é realizado de forma rotineira por meio de uma força-tarefa, que envolve a atuação do Ministério Público do Estado da Bahia, Polícia Militar e Polícia Civil da Bahia, com apoio do Município, não tendo previsão de intensificação.

Em nota pública divulgada no ano de 2019, a 11ª Promotoria de Justiça de Ilhéus concluiu que, “referida atividade atualmente mostra-se ilícita sob os aspectos criminal, civil e administrativo, razão pela qual deve ser energicamente combativa, em razão dos enormes efeitos deletérios que causa à sociedade ilheense [...] ausência de condições de trafegabilidade dos veículos utilizados bem como condução motoristas não habilitados e inclusive portadores de antecedentes criminais de delitos graves, tais como homicídio, latrocínio, estupro e tráfico de drogas, gerando riscos de graves acidentes e crimes aos seus incautos utilizadores e terceiros inocentes”.

Com o propósito de encontrar soluções e resolver os conflitos, a Sutram pretende fazer uma reunião com os praticantes, bem como efetuar um estudo para analisar a viabilidade ou não da atividade. O dever da Sutram ou de qualquer órgão é manter o estado de legalidade no município.  

A Prefeitura de Ilhéus preza pelo exercício democrático dos veículos de comunicação, com uma informação de qualidade e com responsabilidade, sem a zona sombria da manipulação de determinados conteúdos com claro intuito de induzir os leitores e os cidadãos em erro.

Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem